Eu já estava desconfiado! Na semana que antecedeu a implantação do horário brasileiro de verão, o presidente Temer anunciou a queda no preço dos combustíveis (míseros cinco centavos na gasolina e no diesel), acenou para a diminuição da taxa da Selic e comemorou o mais baixo índice da inflação brasileira. Como dizia minha saudosa avó: quando a esmola é demais até o santo desconfia. E deu no que deu: dia 16 último, roubaram uma hora de vida dos brasileiros, fazendo-nos adiantar os relógios em 60 minutos! É bem verdade que, daqui a quatro meses voltaremos ao horário anterior, mas a que preço? Acho que vou acionar o Sérgio Moro, pois considero esse o maior estelionato contra nossa tranquilidade e bem-estar. Ao menos para mim, tudo ficou bagunçado. Até meu cachorrinho (Bóris), que passeia todos os dias, às 7 da manhã, ao lado de minha esposa, se recusou fazê-lo uma hora antes do previsto. Cachorro é reflexo condicionado e eu também. Foi dureza tomar banho uma hora antes do vencimento do prazo do meu desodorante. Que desperdício! Quem paga o prejuízo? E o almoço, então? Almoçar às 11,30 quando meu relógio biológico marca 10,30? Cadê o apetite? O trabalhador comum, com esse novo horário, tem que engolir a comida pra não atrasar no serviço. Duro mesmo é aguentar a queixa dos filhos adolescentes. Um deles, que se esqueceu de adiantar o relógio, quase perdeu a namorada por haver chegado bem atrasado ao encontro com ela, que o esperou raivosa e impacientemente. De nada adiantou culpar o relógio. A moça ficou uma fera e hoje, ele tanta a reconciliação.

            Será que é mesmo válida a justificativa de que a implantação do horário de verão proporciona uma gigantesca economia de energia elétrica ao país? A hora que se economiza agora é acrescentada ao término do período de exceção. Então, qual é a vantagem? Me engana, que eu gosto...

            Vejo apenas uma real vantagem, que consiste na adequação do dia com a noite. Na primavera e no verão, os dias são mais longos durando mais de doze horas, ou seja, as noites são mais curtas. Adiantando-se o relógio em uma hora, as coisas tendem a se equilibrar melhor. Talvez seja essa a explicação mais racional para a implantação do horário brasileiro de verão. Ops, já estou atrasado! Devido ao adiantado da hora, preciso dizer adeus. O tempo urge e as horas passam...

София plus.google.com/102831918332158008841 EMSIEN-3
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
  • 31
  • 32
  • 33
  • 34
  • 35
  • 36
  • 37
  • 38
  • 39
  • 40
  • 41
  • 42
  • 43
  • 44
  • 45