Somadas, prefeituras da região administrativa de Bauru receberam R$ 11,2 milhões

A Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) divulgou o valor pago às prefeituras relativo ao Imposto sobre Serviço de Qualquer Natureza (ISSQN), que incide sobre as tarifas de pedágio.

Na região de Bauru, 18 prefeituras receberam R$ 11,2 milhões e Lins ficou com R$ 385.202,74 deste montante. Cafelândia recebeu mais que Lins, R$ 514.100,91.

Para Guaiçara foram destinados R$ 175.146,44 e Guarantã ficou com R$ 323.737,42. Pirajuí, que tem uma praça de pedágio da Rondon na área de seu município, recebeu R$ 625.096,59, enquanto à Promissão, que também tem,

coube R$ 394.750,81.

Matéria completa na edição impressa

София plus.google.com/102831918332158008841 EMSIEN-3
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27